Posted by : Dento Feb 17, 2019



Era a primeira vez que a região de Johto recebia um evento de tamanho porte. Claro, havia a Liga Pokémon que era organizada há anos com toda pompa, mas o evento daquela noite tinha tudo para superar todas as barreiras de um espetáculo fantástico.  Há alguns anos, Canas Ominous, grande empresário das longínquas terras de Sinnoh tenta trabalhar no licenciamento de tal evento, uma noite de gala onde grandes personagens receberiam um prêmio incrível por grandes colaborações feitas à indústria do entretenimento, o Omascar.

Acontece que ninguém parecia interessado em sediar tamanho evento. E os motivos eram diversos: Divergências artísticas entre personagens, empresários que abandonaram o ramo do entretenimento e fecharam seus continentes para qualquer tipo de investimento cultural, regiões, como Hoenn, que passaram por uma imensa reforma em sua infraestrutura e praticamente buscaram recomeçar novas parcerias comerciais para reestruturação de sua administração... Os tempos eram difíceis.

Buscando expandir seus negócios, Dento, revolucionário do agronegócio, procurou certo dia Canas Ominous, que estava de passagem por Johto divulgando seu evento. Os dois se encontraram em uma das mansões de Dento, em Goldenrod, onde colocaram seus objetivos empresariais na conversa e surpreendentemente tal conversa gerou uma grande amizade entre os dois, apesar de claramente se falarem apenas por interesses em comum.

Dento aceitou organizar o Omascar em sua região, Johto, após dois anos da proposta inicial.

A notícia estampou manchetes de jornais e revistas por toda a região no dia seguinte. A euforia popular se mostrou enorme, assim como a ansiedade pela data divulgada: Dezessete de Fevereiro. Pôsteres com as fotos de Canas Ominous e Dento foram espalhadas por vários outdoors e fotos dos dois eram exibidas ininterruptamente nos canais de televisão. Chefes de Estado logo prontificaram-se a aparecer, como o Presidente das Ilhas Federativas de Hoenn — muito a contragosto de Dento, é verdade, já que sempre houve uma briga entre os dois países pelo controle de certos territórios e ilhas — e o presidente da nação vizinha, Kanto — também a contragosto de Dento, afinal, por não serem divididas, Kanto e Johto tendiam a sediar grandes conflitos.

Mas como o evento era de propriedade do senhor Canas Ominous e cabia a Johto apenas sediá-lo, as birras políticas de Dento não seriam levadas em consideração.

***

O Teatro Municipal de Ecruteak, um dos mais importantes e históricos da região de Johto, fora reservado para aquela noite. Milhares de pessoas se aglomeravam próximas ao local, bloqueando ruas e avenidas a quadras de distância. A imprensa compareceu em peso e brigou para conseguir o melhor lugar próximo ao tapete vermelho onde os artistas que compunham o elenco do Aventuras em Johto™ passavam para entrar para o evento. De figurantes a protagonistas, de humanos a Pokémon, muitos deles paravam e posavam simpáticos para as fotos. Outros, visivelmente constrangidos, só queriam sair logo daquele mar de flashes e seguir para dentro do teatro, decorado com luminárias banhadas a ouro, vários ornamentos de prata e, claro, diversas celebridades com acessórios feitos a base de cristal.

Realmente não houve limites para o orçamento investido. Dento conseguiu alianças com diversos patrocinadores para garantir que o evento se concretizasse. Afinal, ele não pagou um único tostão do próprio bolso — pão duro e mão de vaca do jeito que era, dificilmente o evento ocorreria se dependesse única e exclusivamente dele.

Primeiro alarme sonoro, 19h40min.

Aos poucos, todos os convidados foram tomando seus lugares no teatro. Na plateia, os concorrentes e seus convidados. Os Chefes de Estado com seus amigos e família assistiriam dos camarotes, cercados de seguranças que impediriam o acesso de qualquer pessoa de fora.

Segundo alarme sonoro, 19h50min.

Primeiras-damas estavam elegantemente vestidas, com roupas especialmente desenhadas para elas, únicas em todo o Mundo Pokémon, o que causava suspiros de quem estava na plateia quando percebiam suas chegadas. Seus maridos estavam nos camarins, prestes a subir ao palco e iniciar o evento.

Terceiro alarme sonoro, 20h.

Pontualmente às oito horas da noite, as grandes cortinas vermelhas de veludo se abriram. O quase ensurdecedor barulho da ovação da plateia fez vibrar o chão de madeira do enorme palco e arrepiar os pelos do corpo de Canas Ominous, que há tempos sem encarar uma plateia, permitiu-se ficar tímido por um instante e, a passos lentos, dirigiu-se ao pedestal no centro do palco onde um microfone aguardava para amplificar sua voz para todo o teatro.

Caham — Canas limpou a garganta.

Aos poucos, as ovações foram diminuindo. Todos olhavam atentos ao empresário, afilhado de Walter Wallers, campeão por muitos anos da Elite 4 de Sinnoh, talvez a maior de todos os tempos. O terno alinhado, a gravata azul listrada e a barba perfeitamente aparada até disfarçavam que por dentro, o homem tremia como criança.

— Muito boa noite, caros cidadãos de Johto e convidados da noite. Hoje eu trago a vocês um evento que marcou a minha vida. O Omascar é uma celebração que com muito gosto desenvolvi lá em Sinnoh e, durante algum tempo, cogitei levar até outros continentes e países. Há dois anos, fiz minha primeira proposta a Dento, o nobre presidente de Johto, mas as negociações não foram para frente. Hoje, finalmente posso dizer que estou feliz em estar aqui, abrindo este evento maravilhoso.

As palmas do público após o término do discurso de Canas aqueceram seu coração. Lembranças de Sinnoh vieram à sua cabeça. Quantas aventuras ele pôde assistir seus personagens vivenciarem no Aventuras em Sinnoh? Reviver esses pensamentos enquanto ele estava ali, assistindo novas gerações concorrerem àquele prêmio sagrado dava fôlego novo a ele.

— Tenho o prazer de convidar ao palco o grande responsável por essa noite. O senhor Francisco Dento, recebido com uma salva de palmas! — anunciou Canas puxando as ovações.

Dento surgiu no palco com uma coroa feita completamente de ouro e uma longa capa vermelha. Seus trajes reais foram acompanhados de uma intensa salva de palmas, afinal, era aquele homem que trazia felicidade ao povo de Johto. Seu ego era enorme e ninguém questionava as suas excentricidades no governo.

O homem aproximou-se do microfone e agradeceu ao carinho do povo.

— Obrigado, obrigado queridos convidados. Este evento foi realizado, claro, graças a mim. Claro que o projeto é todo do senhor Canas Ominous, mas quem liga, não é mesmo? Hoho — Dento deu uma risada falsa e a plateia gargalhou. — Creio que preciso agradecer...

Dento olhou para Canas, afastou-se do microfone e cochichou ao empresário.

— Preciso mesmo dizer o nome dele em voz alta? Não dá mesmo pra fingir que a ideia foi toda minha? — questionou com um olhar de súplica, rezando para que o dono da festa concordasse.
— Sim. Eles também ajudaram a organizar este evento — explicou Canas.

Dento bufou.

— Tá. Então, como eu ia dizendo, eu preciso agradecer a eles... Senhor Shadow Tails, presidente de Hoenn e o Senhor José Killer, da vizinha Kanto... — sorriu forçadamente.

Ambos levantaram-se das arquibancadas sob uma forte salva de palmas. Shadow usava um sobretudo negro por cima das roupas sociais com uma gravata borboleta verde de destaque no pescoço e discretamente acenava à plateia. Killer visivelmente havia tentado se arrumar em cima da hora, mas acenava eufórico para a plateia, emocionado com os aplausos.

— Muito bem, muito bem, vamos começar. Passo a palavra e a apresentação para o senhor Canas Ominous! — voltou a anunciar Dento. — Na verdade, nós queríamos o Silvio Santos, mas ele está de férias em Unova. Canas, você sabe como funciona a apresentação, certo? Então fique a vontade.

Dento e sua coroa se retiraram do palco, sob forte aplauso do público.

Canas, agora o mestre de cerimônia oficial, dirigiu-se até o microfone.

— Bem... Não era bem isso o que estava combinado, mas eu acho que imprevistos fazem parte do show. Bem, preciso dos envelopes com os resultados. Onde estão?

Vivian Chevalier entrou tropeçando na cortina lateral. Segurando envelopes de cor carmim, a garota dirigiu-se nervosa para Canas. Usava um vestidinho rodado de cor vermelha, que fundia quase que perfeitamente com seus cabelos ruivos. Ela esticou as mãos tremidas para o mestre de cerimônia e entregou os resultados da premiação. Canas agradeceu com um sorriso e Vivian tratou de correr para a lateral do palco e se esconder nos bastidores, morrendo de vergonha.

— Muito bem, senhoras e senhores. Tenho em minhas mãos os resultados das categorias votadas por vocês, o público. E para começarmos, vamos descobrir quem foi o melhor protagonista do Aventuras em Johto nessas duas primeiras temporadas! — Canas abriu o envelope e deu um sorriso de canto de boca. — Sinceramente, eu não me surpreendo. O vencedor é Ethan!




O garoto abriu a boca, surpreso. Sob uma intensa salva de palmas — e genuinamente aclamado por Amy e Forrest —, levantou-se da plateia e dirigiu-se ao palco, tremendo de nervoso. A pequena estatueta foi entregue pelas mãos de Dento — agora vestido a caráter — e Ethan aproximou-se do microfone para agradecer o público.

— Obrigado, muito obrigado. Eu realmente não estava esperando sair vencedor hoje, afinal, tem tantas pessoas queridas concorrendo que fico até surpreso de poder ter a honra de ser chamado de vencedor também. Dedico esse prêmio primeiramente à minha mãe, Marieta e, claro, aos meus melhores amigos, Amy e Forrest, que dividiram essa história comigo até aqui. Obrigado também ao meu fã clube que veio em peso e ao público de casa que fez questão de votar. Esse prêmio é de todos vocês — os olhos de Ethan encheram de lágrimas. Os aplausos voltaram a tomar conta do ambiente enquanto o garoto retirava-se emocionado do palco.

Dento aproximou-se do microfone.

— Na próxima categoria, melhor participação secundária, grandes nomes que marcaram ahistória do Aventuras em Johto. Se perguntar pra qualquer um agora, nesse exato momento, várias pessoas darão bons motivos para os indicados dessa categoria sagrarem-se vencedores. Dos rivais Joey e Lyra, que tiveram um desenvolvimento importante nessas duas temporadas e ajudaram a dar uma balançada na história à Silver e Jasmine, que com certeza se destacaram por prover aos protagonistas importantes conflitos psicológicos necessários para amadurecê-los. E, claro, personagens como Vivian Chevalier, que apesar de uma curta participação no final de Alma de Prata, trouxe todo um equilíbrio e leveza para um clímax tão esperado no meio da história. Qualquer um dos nomes aqui citados tem potencial pra levar esse prêmio para casa, então fico muito feliz com qualquer que seja o resultado — Dento abriu o envelope e ergueu uma das sobrancelhas. — A maioria esmagadora dos votos. O fã clube do Ethan faz bastante barulho, mas o desse personagem é avassalador. Joey, o prêmio é seu.




A estrutura do teatro quase veio abaixo, tamanha a ovação pelo rapaz. Com um sorriso convencido, Joey levantou da mesa, alinhou sua gravata e dirigiu-se ao palco, acompanhado de seu Rattata no ombro, enfeitado com uma gravata borboleta. Canas Ominous entregou a estatueta para o garoto, que encarava a plateia orgulhoso.

— Não tenho muito o que dizer, apenas agradeço por estar aqui hoje e a todos os meus fãs que votaram em mim nessa categoria. Tenho certeza que eu ganharia todas as categorias que concorresse, mas sou humilde e, portanto, outros personagens podem brilhar também, apesar de o meu brilho ofuscar demais. Enfim, obrigado a todos.

Joey curvou-se perante a plateia e continuou sendo ovacionado pelo público, até sentar-se novamente na mesa de gala onde estava. De todos os presentes, Ethan era o único que não parecia satisfeito em ver o garoto vencer.

Canas voltou a aproximar do microfone com um terceiro envelope carmim nas mãos.

— Categoria polêmica: Melhor antagonista. Durante a votação, foi uma das categorias que mais ficou dividida, até o resultado final. Os gráficos mostraram muitas poucas variações entre os candidatos. Para fins de comparação, Joey empatou com Red. Apesar dos votos bastante acirrados, foi uma das categorias que mais gostei da briga. Hoje, o prêmio vai para você... — Canas abriu o envelope. — Baoba!




Vaias tomaram o local. Não que Baoba em si fosse ruim, mas o personagem em Alma de Prata causou bastante controvérsia nos dois capítulos que estrelou. Em uma recente pesquisa, comprovou-se que Baoba foi um dos grandes responsáveis por mostrar a direção que o roteiro de Aventuras em Johto tomaria.

— Agradeço os votos recebidos e é uma honra pra mim ter vencido e ser um personagem que marcou os leitores. O resultado deste prêmio só mostra que há espaço para grandes vilões que não precisam tomar a história toda pra si. Obrigado.

Dento entregou a estatueta e Baoba voltou ao seu lugar, sob forte protesto do público.

— A próxima categoria é a de melhor capítulo. Após 50 capítulos, o público teve de escolher entre alguns selecionados por mim como os que mais causaram debates e ainda são mencionados pelos leitores como favoritos de toda a história. Foi uma briga boa, apesar de quase ter dado empate em dois capítulos do mesmo arco, que marcaram a história como a melhor batalha até hoje. Sem mais, notifico o grande vencedor e convido ao palco suas estrelas — Dento abriu o envelope. — Capítulo 39: A Luz da Meia-Noite.




Ethan e Jasmine levantaram das mesas e, antes de subir ao palco, abraçaram-se com ternura. Algumas das pessoas na plateia gritavam “Ethamine! Ethamine”, apesar de eles sempre dizerem que não havia nada entre eles se não uma amizade fraterna. De mãos dadas, passaram pelo corredor que dividia os setores da plateia e subiram as escadas do palco.

Jasmine aproximou-se do microfone, emocionada.

— Eu não tenho nem o que dizer. Estou muito feliz de ter conquistado esse prêmio, e mais ainda por ter o Ethan comigo aqui hoje. Uma vez me disseram que o Aventuras em Johto é dividido entre antes de Olivine e pós-Olivine e fico feliz por ter sido tão marcante nessa história. Agradeço a todos que votaram, mas dedico esse prêmio ao Amphy, onde quer que esteja.

Jasmine e Ethan agradeceram as estatuetas entregues por Canas sob uma chuva de aplausos. Ninguém reparou, no entanto, quando o garoto discretamente olhou para Joey e fez um olhar soberbo para o eterno rival.

Canas anunciou a próxima categoria.

— Em melhor Pokémon, um resultado pra lá de polêmico. Não questiono a votação, afinal, foi o público que elegeu, mas acredito que outros tinham chance melhor de sagrarem-se vencedores. Apesar de tudo, é como o Dento disse, o público desse personagem é avassalador. Rattata do Joey, você é o melhor Pokémon do Aventuras em Johto até aqui.




Outra ovação que fez o chão tremer. Joey e Rattata eram tratados como popstars, reis de um país importante. O público aplaudia com paixão os dois, que subiam no palco com toda a pompa e importância.

— Mais uma vez, é incrível estar aqui. Falo, em nome do meu Rattata, que estamos gratos pelo público leitor do Aventuras em Johto que tornou isso possível. E, claro, ao Ethan também, por ser esse rival que eu massacro em todas as batalhas. Obrigado.

Ethan ficou vermelho de raiva. Se não fosse por Amy e Forrest o segurando na cadeira, claramente ele correria para cima do palco e socaria o rosto de Joey até quebrar cada um dos seus dentes.

Dento entregou a estatueta para Rattata e posicionou-se em frente ao microfone, com mais um envelope em mãos.

— Agora, a categoria de personagem mais poderoso do Aventuras em Johto. Ethan enfrentou muitos personagens habilidosos que o fizeram usar a cabeça para elaborar estratégias boas o suficiente para enfrentá-los. Não necessariamente essas estratégias o levaram a vitória, por uma série de fatores.  O grande público escolheu o grande personagem poderoso, aquele que demonstrou, sem sombra de dúvidas, quem é o melhor-pior oponente já enfrentado por Ethan ou outros personagens. Aquele que, sem sombra de dúvidas, foi uma pedra no sapato, que fez o público delirar com suas estratégias fantásticas e com habilidades incríveis com seus Pokémon supremos — Dento abriu o envelope, o leu e encarou de forma séria a platéia. — A estatueta do mais poderoso vai para, claro, ele. Red e seu Charizard!




Apesar de estar vestido com um terno luxuoso desenhado para seu corpo com uma gravata vermelha e sapatos sociais perfeitamente engraxados, Red não tirou seu boné — o que causou certos comentários na platéia sobre o look escolhido. No entanto, se Joey era visivelmente o queridinho do público, Red mantinha sua soberania no local. As pessoas o olhavam admiradas, agradecidas por estarem no mesmo ambiente que o lendário treinador. Todos sabiam da sua fama de ser um cara de poucas palavras, então a ansiedade para ouvir seu discurso da vitória era grande.

Canas logo entregou a estatueta para Red. O garoto encarou seu público e liberou Charizard da PokéBola. O Pokémon Dragão rugiu, expelindo chamas de sua bocarra.

— Fico feliz por ter conquistado este prêmio. Muito obrigado ao público que votou em mim.

O rapaz assim como veio, retornou ao seu lugar. Canas Ominous voltou a conversar com a platéia.

— Parece que a fama de Red de ser um rapaz de poucas palavras não é só um mito, não é mesmo? Nossa próxima categoria é o melhor Líder de Ginásio! Como o Dento bem comentou, Ethan passou por diversos desafios nessa jornada e os Líderes de Ginásio, com certeza, foram fundamentais para o seu desenvolvimento como treinador. Não só dele, claro, mas também de muitos outros jovens que sonham em conquistar a Liga Pokémon, como é o caso de algumas figuras aqui presentes, como Lyra, Joey e até mesmo Red, na época em que treinava. O que me surpreendeu, na verdade, foi a esmagadora vitória deste Líder, 80% dos votos. Fico muito feliz por poder presenciar isso.

Whitney levantou de seu lugar e já se dirigiu ao palco para receber sua estatueta.

— O melhor Líder de Ginásio do Aventuras em Johto: Coração de Ouro & Alma de Prata foi você, Jasmine!




Whitney paralisou a ver que Canas não chamou seu nome. Seu sorrisinho convencido e vitorioso apagou-se instantaneamente. Ao perceber que todos a olhavam, sentiu o rosto arder de vergonha e logo começou a chorar, correndo em disparada na direção à saída do teatro. Apesar da situação inesperada, o público não deixou de saudar Jasmine, que timidamente avançou até o palco, sob aplausos intensos. Foi Canas que entregou uma estatueta para a mulher desta vez.

— Eu realmente estou muito emocionada. Eu não esperava sair vencedora, muito menos levar dois prêmios pra casa. Com certeza, hoje é o melhor dia da minha vida!

As lágrimas escorreram pelo rosto de Jasmine, desta vez, de felicidade, comovendo o público que respondia com uma acalorada salva de palmas. Aparada por vários personagens, foi conduzida até seu lugar.

— Uma categoria que gosto muito. Além de todo drama, ação, aventura e romance, sempre existem aqueles personagens que surgem para dar uma aliviada nas tensões. Certas vezes, acabam sendo até mais populares que os personagens principais. Durante o Aventuras em Johto, tivemos alguns casos do tipo e nesta votação, o público demonstrou gostar do poder de um bom personagem simpático. Mas, no caso, são vários personagens simpáticos. O vencedor do miss simpatia é... — Canas abriu o envelope. — O Fã-Clube do Ethan!




Era o motivo que faltava para os velhinhos fazerem uma algazarra. Dentaduras e bengalas eram arremessadas para cima enquanto os idosos vibravam mais do que o público. Os velhinhos, de forma lenta, se dirigiram ao palco, apesar de não perderem a felicidade. Katherine se dirigiu ao microfone após receber das mãos de Dento a estatueta da vitória.

— Estou muito feliz em ganhar esse prêmio. Eu dedico ao Ethan, o maior treinador Pokémon de todos os tempos! É por ele que estamos aqui hoje e é por ele que nós nos tornamos fitness, afinal, cruzar uma região inteira atrás dele não é fácil, não é mesmo? É NÓIS!

Katherine virou-se para abraçar os amigos e, juntos — ainda fazendo a maior baderna —, retiraram-se do palco, fazendo caretas e falando palavrões para o público presente.

— Ai, como eu amo esses velhinhos... — comentou Dento.

Uma bengala atingiu sua testa.

— Velha é a sua avó! — exclamou um dos velhos do fã clube, visivelmente indignado com o comentário do mestre de cerimônias, rapidamente detido por seguranças. — EU SEI DOS MEUS DIREITOS, ME LARGUEM PATIFES, ME LARGUEM!!!

Dento levantou-se com uma das mãos na testa. Havia um galo onde a bengala o atingiu.

— Estou bem. Vamos dar prosseguimento à cerimônia. Começamos hoje falando sobre o melhor personagem principal e agora, temos o melhor personagem revelação. O que me surpreendeu nesse resultado foi que, de alguma forma, a revelação foi ao mesmo tempo um renascimento do personagem, que passou metade da história na sombra de outros. Esse prêmio é a constatação do público do esforço de um personagem que sempre mereceu disputar e brilhar no seu espaço de protagonista. Forrest, o prêmio é seu.




O moreno abriu a boca, incrédulo. A ovação da platéia foi imensa, o público realmente parecia concordar com a popularidade do garoto. Amy e Ethan levantaram-se para abraçar e congratular o amigo, visivelmente emocionado. Forrest, vestido a rigor, se dirigiu ao palco com as mãos na boca, questionando se aquilo fazia parte de um sonho. Canas entregou a estatueta para o garoto e logo ele se dirigiu ao microfone.

— Eu não acredito que estou aqui neste momento. Faltam palavras para demonstrar a minha gratidão a todos que votaram em mim, que estiveram do meu lado e que acreditam em mim. Claro que uma história como o Aventuras em Johto é como uma novela, uma obra aberta que vai se adaptando conforme o tempo vai passando e ajustando-se conforme o feedback do público. Apesar de eu saber que eu tenho meus amores e meus desafetos, tenho ciência que o meu personagem causa uma ansiedade enorme nos leitores. Eu não posso dizer muito por questões contratuais, mas na próxima temporada eu vou me esforçar para surpreender cada um de vocês, meus leitores e amigos. Muito obrigado. Esse prêmio eu dedico, claro, à vocês, aos meus amigos Ethan e Amy e principalmente ao meu irmão Brock, que sempre acreditou em mim.

Forrest foi ovacionado pela platéia, apesar de ter ouvido algumas vaias também. O garoto estava feliz pela conquista, nada o abalaria.

Canas aproximou-se do microfone.

— Agora, finalmente, a última categoria da noite. Gostaria de chamar meu companheiro, Dento, para anunciá-la comigo.

Dento aproximou-se de Canas com o último envelope, que continha o último vencedor da última categoria.

— Todos os personagens precisam ter uma química. Isso permite que eles possam ser desenvolvidos e terem apreço do público. Durante o Aventuras em Johto, nós tivemos muitas histórias entre personagens. Histórias de amizades, de rivalidades, de perseguições, de lutas e de tristezas. Claro, muitas histórias de amor aconteceram para satisfação do público. Eu tenho certeza que, na categoria melhor casal, nós temos muitas sugestões potencialmente canônicas.
— Apesar de eu, particularmente, achar Ethamine o maior casal da história, não é isso que os leitores decidiram.

Canas abriu o envelope, mostrou para Dento e ambos anunciaram de forma sincronizada os nomes escritos no papel.

Ethan e Amy!




Os dois se olharam. Ethan morreu de vergonha. Amy deu um sorriso sem graça. Ela estava vestida com um Qipao vermelho — um típico vestido tradicional chinês — que elegantemente desenhava as curvas de seu corpo. Ela entrelaçou o braço direito no esquerdo de Ethan e juntos caminharam até o palco, sobre aplausos e assovios dos presentes.

Canas e Dento entregaram duas estatuetas para cada um. Amy se dirigiu ao microfone.

— Obrigado a todos que acreditam que eu e Ethan somos o melhor casal da história. Eu também acredito — riu ela. — É um prazer poder ser indicada, e vencer já é um sonho realizado. Muito obrigada a todos e em especial ao Ethan, meu eterno parceiro, meu melhor amigo, que venceu junto comigo.

A platéia bradava “Beija! Beija!”, fazendo Ethan suar frio e querer enterrar seu rosto na terra, como um avestruz. Amy riu de nervoso, mas dirigiu-se até o amigo e o roubou um selinho demorado, para delírio do público.

Se Ethan estava vermelho quando subiu ao palco, o tom de sua pele agora podia ser comparado às cortinas carmins que abriam e fechavam o palco.

— Agradeço a todos que vieram prestigiar o Omascar esta noite. Agradeço pelos votos e por todo suporte dado nesses anos de publicação. Muito obrigado! — agradeceu Dento a platéia.
— Foi uma honra pra mim ser convidado a apresentar essa premiação. Eu não sei quando Mente de Cristal irá ser encerrada, mas com certeza outros Omascar poderão ser sediados aqui em Johto, foi muito positivo! Obrigado, senhoras e senhores, e boa noite a todos!

Sob aplausos da platéia, as cortinas se fecharam. Dento e Canas sorriam, satisfeitos, pelo sucesso da apresentação.

***

As palavras do autor, Dento:

Escrever pra mim é algo que vai muito além de colocar palavras no papel. Talvez seja um momento em que eu me desligo da vida real e embarco em um universo que me dá prazer em explorar — apesar da ironia de que nem sempre nesse universo que eu escrevo eu consigo manter o controle de tudo. O Aventuras em Johto é um projeto que me acompanha há dez anos, mesmo que muitos leitores só o acompanhem a um tempo mais curto. Publicar cada capítulo, semanal ou não, é inconscientemente publicar uma parte da minha vida, dos meus paradoxos e pensamentos, e abri-los francamente com você, leitor, que está sempre disponível para enxergar a realidade de cada vírgula, parágrafo e diálogo, mesmo que estas apenas transcrevam um mundo fictício que é baseado em um mundo fictício. Aventuras em Johto: Coração de Ouro/Alma de Prata traz em sua ficção uma verdade que é tão real que as pessoas talvez não acreditem, ou que, assim como eu, apenas preferem embarcar nesse universo cheio de complexidades para esquecer um pouco dos seus próprios complexos. Ethan, Amy e Forrest com certeza já se tornaram personagens que não pertencem mais a mim ou à Johto, mas são parte da vida de várias pessoas que dedicam seu tempo a acompanhar as aventuras desse trio incrível que carrega consigo a responsabilidade de representar cada um de nós em diversas fases da vida, seja na busca da independência, como a Amy, seja no desejo de se reinventar, como Ethan ou até mesmo de seguir seus sonhos, independente de tudo, como Forrest.

Se os personagens são gratos a você, imagina eu.

As palavras do leitor, Canas Ominous:

Eu gosto de assistir cerimônias reais, todo ano vejo cada filme indicado no Oscar e fico elaborando minhas próprias teorias de quem será o vencedor; gosto de discutir com outras pessoas que também curtem filmes, animações e música. Essa ansiedade por descobrir quem será o vencedor é sempre arrebatadora, muitas vezes não é quem gostaríamos, mas se o tiro é certeiro também bate aquela alegria — eu falei, eu falei! Sinto-me um critico de verdade, não que minha opinião seja de muita relevância... *risos* Organizar um evento desses, por menor que seja se comparado aos gigantes da indústria, traz um sorriso ao meu rosto por ver tantos personagens bacanas que tive a oportunidade de acompanhar sendo consagrados, como o Forrest, por exemplo, que começou a tomar forma depois dos vários puxões de orelha que o autor levou. Ele cresceu, e mereceu esse reconhecimento. Mordo minha língua ao dizer que votei nele, porque o desenvolvimento foi ótimo e ele alcançou um novo patamar. Que continue nos surpreendendo!
O Omascar sempre serviu como termômetro para sabermos da reação dos leitores, em quem acertamos e quem merece mais atenção. É recompensador. Se não fosse pelos votos de vocês, essa premiação não seria tão divertida. Isso é até engraçado, porque estamos aqui comemorando a conquista de nossos queridos personagens protagonistas, antagonistas, recorrentes e Pokémon que nos acompanham desde 2015 nessa longa jornada do Aventuras em Johto, mas no fim da noite o prêmio de verdade vai para o autor, que tornou tudo isso real e sempre nos entrega um trabalho de qualidade. Os holofotes são todos deles essa noite, e quem sabe no futuro ainda não tenhamos a chance de assistir Francisco Dento abrindo uma premiação dessas de verdade, não é mesmo?

{ 4 comentários... read them below or Comment }

  1. Eu estava pensando no que eu iria comentar a cada linha que eu lia, mas foram tantas percepções nas entrelinhas, tantos easter eggs, e tantas emoções que eu acabei perdendo as contas e só deixei os sentimentos me levarem e no final eu só estava emocionado.

    As palavras finais foram muito tocantes, como a essência que foi passada durante todo o evento, apesar do Chico Dento ter começado todo egocêntrico.

    Existem 3 prêmios principais que eu gostaria de comentar:

    Meu garoto ganhou como mais poderoso.
    Morre Forrest.
    Melhor Casal sim.

    Ficou lindo, Dento. Sem mais a acrescentar a não ser que eu espero ver o que vem em mente de cristal pra fazer a gente chorar.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Yo, Kill!

      O Omascar foi também uma homenagem à Aliança. Não a toa, foi postado no dia 17 de fevereiro, aniversário de fundação. Fico feliz por ter conseguido juntar tantas referências sem desviar do foco da premiação.

      O maior prêmio de AeJ é ter leitores como você, que torce, vibra e passa raiva junto com os personagens. Muito obrigado, por tudo!

      See ya!

      Delete
  2. Adorei muito esse especial! Agora que começo a conhecer melhor cada um de vocês, percebo o espírito de união e amizade que une, definitivamente, a Aliança Aventuras. Gostei da interação entre os autores (muito bem retratados com as suas personalidades super definidas) e os personagens fictícias criados por eles mesmos! Assim, prova-se que tudo pode ser possível e nada é impossível!

    Parabéns aos vencedores e parabéns à Aliança!

    ReplyDelete
    Replies
    1. Yo, Angie!

      Fico feliz que tenha gostado! Esse especial veio de conversas com os demais membros da Aliança e, é claro, pra fazer o que eu não fiz em Coração de Ouro: O Omascar, a parte da história onde vocês decidem o que gostaram mais. Juntei as duas temporadas e fiz questão de prestar homenagens às pessoas que estão comigo desde o começo - os autores da Aliança. A ideia agora é fazer um Omascar com os leitores... Vamo ver se dá certo kkkk Fico feliz de, assim como os personagens, eu conseguir também honrar os demais amigos que nós conhecemos tão bem e que aqui estão representados, apesar de alguma pouca licença poética. kkkkk

      Espero que continue se divertindo!

      See ya!

      Delete

- Copyright © 2015 - 2019 Aventuras em Johto - Dento (Willian Teodoro) - Powered by Blogger - Designed by CanasOminous -