Posted by : Dento Nov 22, 2018




— Prossiga — a voz do oponente chamou a atenção de Ethan de volta para a realidade.
— Muito bem — o garoto sacou mais uma PokéBola. — Eu escolho você!

A chama que queimava ardentemente na cauda de Charizard se intensificou mais uma vez.

Quagsire encarou o oponente com um olhar cínico. Ele estava com a vantagem agora.

— Colocar um Pokémon em vantagem não significa a vitória, você sabe disso, certo? Meus Pokémon são treinados para resistir ao máximo possível contra suas fraquezas — comentou Red.
— Ainda bem que eu não pedi sua opinião. Water Gun!

Quagsire disparou um poderoso jato de água de sua boca na direção de Charizard, mas este era muito mais rápido que ele. O Pokémon de Red rugiu e decolou em direção ao céu noturno e nublado, esquivando-se majestosamente do ataque super-efetivo de seu oponente.

O Pokémon de Ethan fechou a cara quando viu Charizard sorrir, zombando.

Air Slash!

As asas de Charizard brilharam e emanaram uma cor azulada. O Pokémon dragão encarou Quagsire e bateu as enormes asas e, delas, afiadas lâminas invisíveis a olho nu produzidas com ar foram disparadas em sua direção, atingindo em cheio o peito nu do Pokémon. Quagsire, ainda que não tivesse como fraqueza o tipo Voador, não pode evitar dar alguns passos para trás com a força do impacto daquele movimento. Ardia como brasa o local onde fora atingido e, intuitivamente, levou uma das mãos ao machucado para tentar aliviar a dor.

— Fique atento, Quagsire! Não tire os olhos dele! — orientou Ethan ao seu Pokémon que fez sinal afirmativo com a cabeça. — Mud Shot!

Quagsire disparou grandes quantidades de lama na direção de Charizard, mas, devido à altura em que se encontrava, o golpe não funcionou.

— A inexperiência é a chave para a tolice. Mantenha seu foco, garoto. Dragon Pulse!

Uma bola enorme de chamas alaranjadas que giravam como um redemoinho dentro da boca de Charizard foi vista poucos segundos antes de ser disparada como se fosse uma enorme energia irradiada do sol, de tão brilhante e potente que era. O Dragon Pulse atingiu o rosto de Quagsire, que foi violentamente empurrado para trás, caindo com força no chão e se arrastando por alguns metros pelo terreno irregular.

Uma intensa nuvem de fumaça e poeira levitou e tomou conta do ambiente por alguns instantes, antes dos ventos que começavam a ficar cada vez mais fortes limparem o campo de visão de todos. Quagsire levantou-se com dificuldade, lutava-se para se manter de pé. Charizard não demonstrava estar cansado.

Air Slash!

Charizard mergulhou na direção de Quagsire para um ataque fatal. Suas asas brilharam mais uma vez e, antes de batê-las, sorriu maliciosamente para o oponente.

Aqua Tail! — berrou Ethan.

Quagsire criou um redemoinho de água com o auxilio de sua cauda. O fluxo de água transformou-se em um redemoinho e o Pokémon de Ethan atingiu o rosto do oponente como se fosse um enorme chicote feito de água, pegando Charizard completamente de surpresa e derrubando-o no chão.

Water Gun agora!

Outro poderoso jato de água saiu da boca de Quagsire e atingiu em cheio seu oponente. Havia ódio nos olhos do Pokémon de Ethan, que utilizava toda sua concentração para criar um fluxo de água potente o bastante para não deixar Charizard se recuperar.

Slam! — Ethan continuava a ordenar combos para Quagsire.

O Pokémon bípede correu em direção ao oponente caído e o pegou pelo pescoço. Fazendo uma força absurda, Quagsire ergueu Charizard e o arremessou violentamente contra o chão. A satisfação no olhar do Pokémon era incrível. Ver agora seu oponente começar a demonstrar cansaço era uma sensação que não tinha preço que pagasse para ele.

— Charizard, você está bem? — questionou Red ao Pokémon, que ergueu-se do chão e rugiu furioso, disparando brasas de sua boca em direção ao céu. Aquele Quagsire havia conseguido tirá-lo do sério.

A chama em sua cauda queimou ainda mais forte. O dragão fechou o punho com força e flexionou seu corpo, pronto para atacar.

Flare Blitz!

O corpo de Charizard voltou a ser coberto por chamas alaranjadas, mas seus olhos estavam diferentes. As pupilas azuis desapareceram e, em seu lugar, olhos vermelhos tomaram conta. Fogo saia das narinas do Pokémon e suas presas eram exibidas de forma ameaçadora para Quagsire e Ethan. A chama de sua cauda agora alcançava um metro ou mais de altura e gerava um calor insuportável, que agora fazia Red transpirar, mesmo que o garoto não se incomodasse com isso.

Charizard disparou na direção de Quagsire e atingiu-o mortalmente. Arremessado a metros de distância, o corpo do Pokémon caiu ao chão, nocauteado.

— Quagsire! — gritou Ethan ao ver seu Pokémon estirado no chão.

Red encarava Ethan, ansioso para ver qual seria o próximo Pokémon que o oponente utilizaria.

Ao retornar Quagsire para a PokéBola, Ethan respirou fundo. Charizard estava sendo um ceifador inescrupuloso de sua equipe de Pokémon.

O quarto Pokémon de Ethan foi liberado. Ele sabia que não havia chance de vitória, ele conseguiu derrotar apenas dois dos Pokémon extremamente poderosos de Red, nem por um milagre os demais Pokémon de sua equipe derrotariam os outros quatro do oponente.

Red pareceu ler os pensamentos do garoto, que estava completamente perdido.

— Por que não aceita sua derrota e se poupa da humilhação? Você sabe bem que proteger a Amy não adianta muito, ela será entregue de todo jeito.

Ethan o encarou. Suas mãos agora sangravam de tanto que ele as apertava ao fechar os punhos, mas ele não parecia se incomodar com a dor. Fechou a cara para Red e gritou para ele como se estivesse enfrentando seu algoz mais terrível.

— Você não entende, TEM que haver outro jeito! Se desistir for minha única opção, então eu prefiro morrer! Imperador, Poison Sting!

Nidorino correu na direção de Charizard, que abriu as asas e alçou voo. No entanto, o Pokémon de Ethan agarrou na cauda do oponente e penetrou seu chifre cheio de veneno na barriga do dragão alado, que gritou de dor. Charizard girou no ar e derrubou o oponente no chão, que não se abalou e rapidamente ergueu-se para frente, pronto para enfrentar o dragão.

Double Kick! — bradou Ethan.

Imperador correu na direção de Charizard que se curvava de dor devido ao envenenamento e atingiu seu focinho com dois chutes poderosos, fazendo pela primeira vez o dragão alado cair ao chão.

Red aproveitou a proximidade de Nidorino em relação à Charizard.

Dragon Pulse!

A enorme bola de fogo púrpuro foi disparada da boca de Charizard e atingiu Nidorino em cheio, fazendo com que o Pokémon fosse violentamente jogado a metros do chão e caindo com força no solo.

— Imperador! Tudo bem com você?! — exclamava Ethan, preocupado, aliviando-se apenas quando viu seu Pokémon erguer-se sob as quatro patas e, ainda que ferido, acenou com a cabeça positivamente. — Não é hora pra brincadeiras. Water Pulse!

Do chifre de Nidorino, uma enorme esfera de água foi produzida e disparada na direção de Charizard, atingindo-o em cheio.

O Pokémon de Red caiu para trás e usou de toda a força que tinha para erguer-se novamente. Mas o veneno causado pelo Poison Sting de outrora o fez desmaiar, definitivamente.

— Charizard... — suspirou Red. — Obrigado. Você realmente deu o seu melhor.

Ethan encarava Red, exausto. Nunca havia batalhado por tanto tempo antes em sua vida ao mesmo tempo que nunca tivera uma batalha tão complexa, nem nos Ginásios que enfrentou até hoje. Não era a toa que ouviu histórias fantásticas e inacreditáveis sobre o cara que estava em sua frente. Apesar de absurdas, agora elas pareciam fazer sentido. Sumir sem dar noticias por três anos onde boatos diziam que ele treinava dia e noite sozinho no topo do Monte Silver não parecia mais tão absurdo. O resultado, Ethan estava acompanhando ao vivo.

Da quarta PokéBola de Red, surgiu um Pokémon que Ethan conhecia muito bem. Havia enfrentado aquele Pokémon no período em que perdeu-se dentro do Monte Mortar, e ele, selvagem, já havia dado dores de cabeça para o garoto.

Nidorino encarou Machamp com seriedade. Não temeu quando o lutador fechou as mãos nos punhos, em evidente sinal de ameaça.

— Vamos mostrar que tamanho não é documento! Imperador, Fury Attack!
Superpower!

Nidorino correu veloz na direção de Machamp, que flexionava todos os músculos do corpo enquanto via o oponente aproximar-se veloz. O Pokémon de Ethan pulou no tronco do oponente, subindo até seu rosto para atingi-lo com suas garras afiadas, mas Machamp começou a agredi-lo com violência, arremessando Imperador no ar. Ainda que golpes do tipo Lutador não o afetassem, a vantagem de Machamp era seu alto nível, que fez o Pokémon de Ethan sentir ao menos certo desconforto ao pousar no chão.

Fire Blast! — ordenou Red.
Water Pulse! — gritou Ethan ao mesmo tempo.

Machamp tomou fôlego e disparou uma poderosa explosão de fogo laranja em formato de que acelerava constantemente na direção de Nidorino, que voltava a formar de seu chifre uma bola de água poderosa que cruzou o campo na direção do oponente.

 A bola aquática de Imperador passou no meio da explosão de fogo do golpe de Machamp. Apesar de se colidirem a princípio, os dois golpes não se anularam e atingiram seus alvos.

Nidorino, no entanto, pareceu se machucar ainda mais.

— Não se abata, Imperador! Fury Attack!

O Pokémon de Ethan correu na direção de Machamp, mas ao invés de executar o golpe ordenado por seu treinador, correu com o chifre em riste e começou a atacar o oponente, que tentava se defender como podia. O Horn Attack enfrentava valente o Pokémon de Red, pego de surpresa.

Earthquake! — bradou Red.

Utilizando seus quatro poderosos braços, Machamp socou o chão com força, que começou a tremer e a rachar. O terremoto desequilibrou as quatro patas de Nidorino, que caiu ao chão e foi engolido por terra e pedras que se desprendiam facilmente do solo devido ao poderoso golpe.

Quando a nuvem de poeira cessou, Nidorino jazia inconsciente no chão.

— Por que você continua a insistir em batalhar? — questionou Red.

Ethan ergueu o olhar até o oponente enquanto retornava Imperador à PokéBola.

— Eu já disse... Eu não acho que as coisas vão se resolver desse jeito. Por que entregar a Amy?
— Você não consegue perceber que essa é a única maneira? Se você gostasse dela mesmo, perceberia.

Ethan ficou vermelho.

— Mas é claro que eu gosto dela! Somos amigos!
— Não é disso que eu estou falando.
— Não importa! — o garoto sacou mais uma PokéBola. — Essa ideia maluca não faz sentido algum!
— Ora, ora, ora... Mas que surpresa! É um grande prazer reuni-los nesta noite, meus amigos.

Red e Ethan viram aquela figura aproximar-se como um Arbok pronto para dar o bote. Com um sorriso sádico, Silver, acompanhado de vários subordinados da Equipe Rocket — todos vestidos de preto —, caminhava devagar na direção dos dois treinadores.

— A que devo a satisfação de sua presença? — o tom de deboche da voz de Red não foi disfarçado.
— Não é necessário mais esconder, meu amigo. Estamos todos aqui por um motivo em comum, não é mesmo? Ou deveria dizer por uma pessoa em comum? Bem, de qualquer forma, logo menos estaremos todos reunidos para uma excelente confraternização.

Ethan fechou os punhos. Cercado, ele não podia enfrentar sozinho todas aquelas pessoas. Grande parte dos seus Pokémon já haviam sido derrotados pelos Pokémon sob o comando de Red e muito provavelmente Quilava e Sandslash não dariam conta de dezenas de Pokémon os enfrentando ao mesmo tempo.

Silver aproximou-se de Red.

— E então, onde se encontra a Amy? Ao invés de estar perdendo tempo fazendo qualquer tipo de batalhazinha inútil, não acha que deveria estar supervisionando a entrega da garota?
— Trato é trato. E você bem sabe que outras pessoas estão envolvidas nisso. Não sou babá de ninguém, portanto, minha única obrigação é ter certeza de que tudo sairá conforme o planejado.
— E está saindo?
— Pergunte a eles.

Forrest e Bruno aproximavam-se com Amy. A garota estava com os pulsos atados por uma algema de aço e olhava fixamente o tempo todo para o chão. Sua boca estava amarrada com um pedaço de pano pardo e seus cabelos castanhos completamente desarrumados, derivado de uma clara resistência da garota em se entregar. Seus acompanhantes mantinham a expressão séria e aproximavam-se do grupo que os observava. Silver não continha a alegria em ver aquela cena acontecendo diante de seus olhos, que brilharam ainda mais ao ver a bolsa da garota sendo segurada por Forrest.

— Finalmente você está cercada, Amanda... Como um Pikachu em uma gaiola.

Não deu tempo de reagir quando duas vozes mistas bradaram alto no silêncio da noite, quase simultaneamente.

Gust!
Swift!

Dois Pokémon surgiram enfrentando os capangas da Equipe Rocket. Um deles era um Pokémon roxo e símio com duas caudas, cada uma com uma mão grande e arredondada com três dedos de ponta vermelha e um punho de babado arredondado nos pulsos. Tinha orelhas redondas com interior vermelho e um nariz roxo, triangular e olhos arregalados. O outro Pokémon era uma criatura insetóide com um corpo roxo claro. Possuía olhos redondos bulbosos, com pupilas grandes e uma pequena mandíbula e seu abdômen era pálido, com várias faixas negras em ziguezague que percorriam de forma horizontal o seu corpo. Tinha seis pernas curtas e uma crista de três pontas na cabeça, com dois pares de asas cobertos por escamas roxas que variavam de cor.






Ambipom e Venomoth soltavam seus poderes na medida em que seus treinadores aproximavam-se da aglomeração.

Silver havia se jogado no chão para se proteger dos golpes daqueles dois Pokémon. Ao erguer o olhar para cima, fez uma expressão de desagrado.

— Eu não estava esperando por visitas a essa hora.

Ethan perdeu o fôlego ao ver aquelas duas pessoas se aproximando. Forrest ergueu as sobrancelhas completamente surpreso enquanto Amy, ao subir os olhos pela primeira vez, sentia-se completamente perplexa.

— Quando eu vi vocês na televisão enfrentando aqueles diversos Pokémon no Lago dos Magikarp, nós estávamos na cidade de Olivine. Lá, descobrimos que você havia demolido o farol enfrentando a Líder do Ginásio local. Corremos pra cá com o objetivo de encontrar você e desafiá-lo pra uma batalha, mas me parece que vamos ter que adiá-la por um momento. Pelo menos até soltar a Amy das garras desses babacas aí.

Joey, acompanhado de Gabrielle, parecia não temer aquelas dezenas de homens e mulheres encarando-o ferozmente. Os dois treinadores andaram na direção de Amy, mas foram prontamente interrompidos por Forrest e Bruno.

Orra, o que está acontecendo aqui? Vocês vierram salvar Amy, non? — questionou Gabrielle confusa.
— Ethan, por que não pediu ajuda pra enfrentar esses caras? Seu reforço chegou. Vamos, me ajude a derrubar um por um! — sorriu Joey para o rival, que o encarava de forma séria.

Silver gargalhou.

— Ora, mas o que temos aqui? O encontro do elenco inteiro? Ah, mas é claro que nós não podemos de deixar de ler o roteiro da peça.

O ruivo tranquilamente caminhou até Amy. Joey fez menção de correr até ele, mas Red o segurou pela gola da camisa.

— O que é que você tá fazendo?! — bradou o garoto, nervoso.

Silver segurou no queixo de Amy e fez a garota o olhar nos olhos. A satisfação do garoto transbordava a cada segundo que passava.

— Queiram me dar a honra de apresentar ao público presente a sinopse de nossa trama — o ruivo abriu os braços como um apresentador de um espetáculo, virando-se em direção aos presentes, fazendo questão de ser visto por todos. — Temos aqui presente a protagonista da nossa incrível história. A querida mais odiada do Mundo Pokémon, Amy. Ela, que roubou uma certa PokéBola há meses do nosso quartel-general se auto-proclamou “ex-agente”, fugindo por aí que nem um Rattata moribundo. Ah, que menina travessa! Assassinou seu grande líder, Giovanni. Nosso grande líder. Meu pai.

A expressão de Silver mudou completamente. O sorriso sarcástico deu lugar ao ódio. Lágrimas vieram aos olhos do garoto e seu coração batia cada vez mais rápido. Seus punhos fecharam com força e ele estava a um passo de socar o rosto de Amy, que o encarava sem esboçar nenhum tipo de reação. O garoto aproximou-se de seu rosto como uma serpente, pronta para dar o bote.

— Você tem noção do que você fez? Eu acho que não tem. Eu acho que você na verdade não tem a menor ideia do que fez. O que seria de você caso soubesse qu...
— Já chega, Silver.

Murmúrios tomaram conta do local. Os quatro elegantes administradores da organização abriam espaço por entre os subordinados, alcançando o centro da roda que se formou diante de Amy.

Ariana, Archer, Petrel e Proton, sempre vestidos de forma elegante, emanavam uma aura sombria. A mulher encarava o ruivo de uma forma severa.

Silver, no entanto, sorriu ao vê-la.

— Olá, mamãe. Seja bem-vinda à nossa reunião. Você chegou na melhor hora.
— Cale-se, meu filho. Não faça nada além do combinado. Proton, prossiga.

O homem aproximou-se de Forrest e estendeu a mão. Sua boina negra fazia sombra em seu rosto, deixando-o assustadoramente ameaçador. O moreno, no entanto, vasculhou a bolsa de Amy e retirou a PokéBola dourada e prateada de dentro dela.

Em um misto de medo e ansiedade, Proton segurou a PokéBola GS com as mãos trêmulas.

— FORREST, O QUE VOCÊ TÁ FAZENDO, MANO?! — berrou Joey.
— Não é óbvio? — Silver voltou sua atenção para o garoto. — Todos aqui presentes são aliados da Equipe Rocket. E, finalmente, nós temos o que tanto procurávamos. Vamos nos reerguer e finalmente poderemos nos reunir com papai novamente! Tudo isso graças à PokéBola GS... E o que tem dentro dela.

Gabrielle soltou um gritinho surpreso.

— Ethan, você realmente não vai fazer nada? — a garota permanecia incrédula.

Ethan não se manifestava. Encarava Amy em silêncio, mas a garota não devolvia o olhar.

— Eu não acredito nisso... Não pode ser real! Eu sempre acreditei que você gostava da Amy e agora entrega ela pra eles, cara?! Você é um covarde! COVARDE!

Joey desferiu um soco no rosto de Ethan, que ajoelhou-se levando a mão ao olho direito que lacrimejava.

Hypnosis.

Gabrielle e Joey sentiram um enorme cansaço. Suas pálpebras rapidamente ficaram pesadas e um sono imensurável tomou conta do corpo dos dois. Seus Pokémon, Venomoth e Ambipom, também caíram em sono profundo.

Um Pokémon bípede que se assemelhava com uma anta balançava seus braços de forma hipnótica na direção da dupla. Tinha olhos cansados, uma tromba curta acima da boca e orelhas triangulares. A metade superior de seu corpo era amarela e a metade inferior era marrom, com uma linha ondulada separando as duas metades. Tinha uma barriga redonda e pernas curtas, com pés marrons e dois dedos amarelos e três dedos em cada uma das mãos.



File:096Drowzee.png


No entanto, antes de cair em sono profundo, Joey soltou uma exclamação audível, sendo acompanhado por Ethan e Forrest quase de forma sincronizada. Até Amy arregalou os olhos. Junto a Drowzee, uma garota que aqueles três conheciam muito bem. Mas ela estava diferente ali. Seus cabelos castanhos agora estavam soltos, debaixo de uma boina negra, que fazia parte do uniforme de mesma cor que estampava uma letra “R” rubra no tórax. O olhar doce de outrora agora havia sido substituído por um frio, com olheiras de quem aparentava estar longas noites sem dormir.

Aquela garota fez Silver dar um doce sorriso.

— Que bom que você resolveu se juntar a nós nesse grande momento, meu amor.
— Me desculpe. Eu não aguentei ouvir tanta baboseira. Quem sabe com eles dormindo as coisas não funcionam?
— Você sempre sendo a melhor em tudo! — e Silver a beijou.

Ariana fazia um olhar de desagrado.

Pela primeira vez desde que os Rockets apareceram, Ethan se manifestou, chamando por aquele nome que há tempos não ouvia falar a respeito.

— Lyra?! O que é que você está fazendo aqui?

A garota o encarou e sorriu de forma maliciosa.

— Não é óbvio? Estou apenas sendo uma boa garota, como sempre.
— É a minha boa garota — comentou Silver, sorrindo de forma amorosa para a namorada.

Ariana, irritada, aumentou o tom de voz.

— Chega dessa baboseira! Vamos voltar para o QG. Precisamos abrir essa PokéBola maldita.

Archer aproximou-se dos capangas de preto.

— Não deixem ninguém nos seguir. Recolham as PokéBolas dos nossos convidados e tragam-nos conosco. Pensaremos em algo para fazer com eles.

Red e Ethan viraram para Joey e Gabrielle e impediram que os agentes Rocket se aproximassem. Proton olhou curioso a cena, mas logo tranquilizou-se ao ver os dois garotos recolhendo os Pokémon às PokéBolas e guardando consigo todas as cápsulas que aqueles dois traziam com eles.

Dois capangas aproximaram-se dos corpos adormecidos e os recolheram do chão.

A Equipe Rocket, com Amy, Joey e Gabrielle de refém, sendo acompanhados por Red, Ethan, Amy e Bruno desapareceu na noite, auxiliados por uma intensa neblina que se formava e se espalhava com ajuda dos ventos fortes que se propagavam nos limites da cidade de Mahogany, que ficava para trás sem despedidas nem cerimônias.


TO BE CONTINUED...


https://aventurasjohto.blogspot.com/2018/11/notas-do-autor-aventuras-em-johto-alma_23.html

{ 15 comentários... read them below or Comment }

  1. E cá estamos, meu nobre companheiro. Quanto tempo debatendo esse enredo, quanto tempo planejando tudo e se preparando pra esse momento. Eu nem sei o que deve estar se passando na sua cabeça, porque eu mesmo nunca cheguei tão longe. Mas aqui estamos, com você fechando a segunda temporada de Aventuras em Johto.

    Eu não tenho muito a dizer, sinceramente. O que mais eu poderia acrescentar a tudo o que vimos nesse capítulo?

    A batalha do Ethan contra o Red não teve um final, mas claramente vimos quem foi o vencedor. É, Ethan... Sete insígnias e ainda assim você foi obliterado. Tome seu rumo, cabra! Vai deixar esse mala fazer o que quer contigo? Mas deixa eu te perguntar outra coisa sobre a batalha. O que você colocou na água daquele Quagsire pra ele ficar pistola desse jeito? Rapaz, quanto ódio... Esse aí com certeza não tem Unaware, se é que me entende.

    Por fim, não entendi bulhufas. Ethan tava possuído pra entrar na porrada com o Red, o Forrest, Arceus e o mundo pra salvar a Amy, e agora no final ele vai lá todo bobão e ajuda os caras? Eu li e reli o capítulo e não consegui encontrar nenhuma deixa pra ele ter mudado de comportamento assim. Se você deu alguma pista, ela ficou bem escondida. Se não deu pista nenhuma e tinha como objetivo terminar essa temporada deixando todo mundo naquele estado de “WTF” então parabéns, porque você conseguiu.

    Agora é relaxar até o especial de Natal. Parabéns pelo fechamento da segunda temporada, meu parca. Você merece pela dedicação. E que 2019 nos traga a Saga Mente de Cristal pra fechar com chave de ouro (ou de cristal, hehehe) essa história foda que eu me orgulho de ter visto nascer.

    Até a próxima! õ/

    ReplyDelete
    Replies
    1. Yo, Shadow!

      Foram tempos polêmicos, mas finalmente chegamos ao derradeiro final de Alma de Prata. Um misto de satisfação e cansaço tomam conta agora, mas ainda vem bastante coisa por aí.

      Pois é, Ethan VS. Red. No fim da batalha, é como você disse, nem precisou que fossem enviados os dois últimos Pokémon de nosso querido protagonista. A diferença de poderes dos dois é gritante, ainda que Ethan já tenha 7 insígnias. E construir essa batalha foi difícil, porque não significa que Ethan seja mal treinador. Ele tem SETE insígnias! Espero ter, apesar do resultado, ter conseguido equilibrar e não ter tornado Ethan um idiota.

      Ah, maninho, se eu consegui bugar sua mente com essa parada do Ethan, significa que deu certo. Responder todas as perguntas agora não causaria curiosidade pra Mente de Cristal, que já vai chegar do jeito que eu gosto de fazer: Dando voadora com os dois pés na porta de entrada.

      Espero que eu possa continuar surpreendendo você! Você, mais do que ninguém, sabe o quanto eu me esforço pra poder trazer sempre a melhor história com a melhor qualidade possível, e tô sempre tentando melhorar! Espero continuar conseguindo isso com a Mente de Cristal.

      See ya!

      Delete
  2. Dento, seu motherfucker, amei o que você fez com a Lyra, ela ser vilã foi muito bom, mano! Amei a referência do Pikachu, amei a batalha do Ethan contra o Red, principalmente por causa do Imperador, e cara, amei o Joey e a Gabriele entrando em cena, pra depois serem postos no sono sem nem poderem lutar. Cara, amei tudo, e você é um filho da XUXA porque você nos deixou com um Fucking CLIFF HANGER.

    Mas cara, amei os últimos capítulos, como você bem sabe. Mano, não te acompanho desde o início exatamente, mas te acompanho a muito tempo, e posso te dizer que sempre gostei de ler seu trabalho. E agora que chegou a esse ponto, vejo que realmente valeu a pena. Estou ansioso para ver depois o desfecho desses eventos, e mais, dessa saga. Até a próxima.

    Ass: Supremo Líder da Ordem Da-Qual-Fazem-Parte, Sir Naponielli

    ReplyDelete
    Replies
    1. Yo, Sir!

      Por essa você não esperava, não é mesmo? HWUHEAUAHEUAE. Lyra é meu trunfo nesse fim de temporada. Todos os personagens em AeJ, de uma forma ou de outra, acabam mostrando para o que vem (Joey e Gabrielle, por exemplo). Lyra andou dando uma sumida e retornou de forma triunfal, e com o passar dos capítulos na terceira temporada, acredito que as coisas comecem a fazer sentido pra você. E é claro, trazendo a Lyra em destaque, honrando a posição dela no banner do blog. Hihihi.

      Eu estou sempre me esforçando pra fazer sempre o melhor possível, sempre tentando me superar em tudo o que faço. E espero que Mente de Cristal consiga também seu lugar no seu coração, como Alma de Prata. Cada saga de AeJ tem sua função e ainda que a próxima temporada esteja pra nascer, já me dá uma responsabilidade de começá-la com máximo de carinho e cuidado. Afinal, a resolução do problema com a Amy e os Rockets, a oitava batalha de Ginásio de Ethan, a revanche entre Forrest e Argenta e a Liga Pokémon estarão nessa temporada. Coisas intensas estão pra acontecer e espero sinceramente conseguir honrar você e a história, que me acompanharam até aqui.

      Espero continuar te surpreendendo, sempre!

      See ya!

      Delete
  3. Eae meu chapa,

    Parabéns por completar mais uma temporada, espero que a próxima seja tão boa quanto essa.
    É muito plot twist para um capítulo, eu tô embasbacado.
    É tanta gente trocando de lado que nem sei mais. E o Ethan que tem 7 insígnias e mandou um golpe ground num pokemon voador, tava nervoso o garoto.
    Por que o Bruno ta ajudando a equipe foguete? Por que o Red tá ajudando a equipe foguete?!?!?!
    Acho que é esperar pra ler.

    Eu amo essa estória e espero que ela continue, para vermos mais desses personagens que tanto amamos e odiamos (silver, essa foi pra você).

    Até mais ver!

    ReplyDelete
    Replies
    1. Yo, Alefu!

      Agradeço por você ter chegado aqui comigo. Sei bem que você é, provavelmente, o leitor mais novo de Johto, e chegar até aqui de forma tão rápida quanto chegou significa que gosta da história que eu escrevo, modéstia a parte. E eu fico feliz demais que eu tenha chegado até aqui também, afinal, trazer esses personagens até aqui não foi tarefa fácil.

      Agora sim a história começará a fazer sentido (eu espero). Ethan trocar de lado nem é novidade visto que ele troca de shipp a torto e a direito (AEHUAEHUAEHUEAHEAU), mas TALVEZ possa existir uma explicação plausível pra isso. Mas é aguardar Mente de Cristal pra saber.

      Espero que continue curtindo e que eu consiga continuar te surpreendendo!

      See ya!

      Delete
  4. Eu estava aqui lembrando de uma dessas calls nossas no skype (eca, quem ainda usa isso?), com você contando muitas partes do seu roteiro e o que planejava para os momentos mais chocantes de AeJ. Isso foi quando, 2015? Hojes muitas coisas fizeram sentido. Lembro que você mencionou a Lyra, que ela seria traidora e eu guardei isso na cabeça. Lembro também que na época (eu posso ter distorcido um pouco esse fato devido ao tempo), o Forrest meio que se apaixonaria por ela, e isso o faria trocar de lado (será que isso era um sinal do fatídico "eu te amo" que ele meteu na cara da Amy de forma inusitada?) kkkkkkkkkk Mas enfim, apesar de toda a reviravolta envolvendo os Rockets e dos spoilers que tomei anos atrás, uma coisa ainda não faz o menor sentido: Ethan. Que puta plot twist inesperado, ainda não sei o que aconteceu e devo ter voltado pra ler o mesmo trecho umas três vezes só pra confirmar kkkkk

    "Calma aí, foi isso mesmo? Vai MESMO largar mão dela agora?" Nesse capítulo, fomos todos Joeys. Pegos de surpresa por alguém em quem confiamos. Acho que o choque do final me deixou até meio aéreo, e infelizmente acabou ocultando a glória da batalha incrível que tava sendo travada e como o Imperador e o Quagsire fizeram um bom trabalho (torço que cada um desses Pokémon tenham a chance de se vingarem quando chegar o dia fatídico de uma rematch kkkkk)

    Tenho muitas teorias sobre a atitude de Ethan, e a mais óbvia é de que todo mundo ao se ver de mãos atadas traçaram um plano para entrar na equipe Rocket e quebrar eles por dentro. O significado que os Rockets carregam para a toda Aliança é enorme, e não nos cansamos de vê-los como os melhores vilões da franquia. Vai ter muita gente envolvida nesse arco, você merece uns dias de férias, mas tenho certeza que está trabalhando a mil por hora em cada uma dessas pontas, como irá ligá-las e trazer nossa Amy de volta. Você concluiu a sua segunda temporada, deixou aquela marca tão Dento que faz todo mundo ficar com cara de WTF. Lá vamos nós passar os próximos meses em euforia, pelo menos até que tudo se resolva e possamos ver esses três caminhando juntos com ares de simplicidade. Ou será que não? Será que os eventos desse capítulo serão tão grandes que a jornada nunca mais será a mesma? Talvez essa seja a verdade. Todo capítulo é uma incógnita e uma vitória para o autor. Tudo que você construiu foi para esse momento, cara. Estamos orgulhosos de você. Rumo à Mente de Cristal!

    ReplyDelete
    Replies
    1. Yo, Canas!

      Você é uma das pessoas por dentro de tudo em AeJ. Até nos desvios de roteiro (necessários por sinal numa história longa e estruturada em temporadas), sua opinião sempre foi importante. AeJ conta com você desde o primeiro capítulo, lembra? E fico muito feliz que você continue presente, se surpreendendo mesmo que já tenha conhecimento de grande parte da história. Talvez aí esteja o grande segredo por trás de tudo, né? HUHEUEAHUAEH

      Forrest. Novamente ele, não é mesmo? Lyra desde aquele momento vem demonstrando que não é flor que se cheire, e agora Forrest demonstrando que sua teoria está certa... Seria eu muito previsível? HEAUAHUAEHAE

      Eu ainda precisava de algo que pudesse bugar sua mente. Ethan, como quem não quer nada, faz esse papel. E se eu consegui bugar vocês, significa que o trabalho tá bem feito! Mente de Cristal vai chegar na voadora, maninho! Ahahaha

      Espero ter conseguido fazer um desfecho em Alma de Prata digno, afinal, essa temporada nos trouxe tantas revelações e evoluções que espero ter valido a pena a chegada até aqui. Continuo esperando fazer um bom trabalho nessa temporada que vem aí, e espero continuar surpreendendo você.

      Espero que continue curtindo! Obrigado por tudo, sem você, nada disso seria possível!

      See ya!

      Delete
  5. Yo Dento

    Tudo certo?Tudo tranquilo?Tudo 50/50?

    50 Capítulos cara,e que "desfecho" surpreendente,como você mesmo disse final de saga de AeJ não responde perguntas só cria mais perguntas e nos deixa bugados

    Parabéns pelos 50 capítulos,e que venham mais capítulos enquanto o Ethan não morre huashuashuas

    Vamos aquilo que eu sei que você estava esperando:MEUS COMENTÁRIOS(eu sei que não mas aqui não disperdiçamos piadas)

    Cara, Red vs Ethan foi como eu previa(mas minhas previsões não falham então não é novidade),como eu disse no outro capítulo Quagsire seria o primeiro palpite e eu acertei,mas isso é bem lógico em uma batalha então não é uma previsão tão boa assim
    Quagsire lutou muito bem,a vantagem de tipo não ajudou muito,mas ele ajudou a levar o Charizard e isso é muito mérito levando a diferença de nível(imaginando que os mons do red tem o mesmo nível ou um pouco abaixo da batalha contra ele nos jogos),Ethan usar golpe de terra em mon voador nós relevamos pelas circunstâncias,mas pensando bem não faz sentido você jogar terra em um mon voador e a terra simplesmente atravessar ele,em golpes tipo Earthquake faz sentido mas um mud shot de leves não tem problema huashuahsuas

    Envenenar o Charizard foi uma ótima idéia,veneno não se importa com nível então é sempre útil mas era uma alternativa bem interessante pra ser utilizada no começo e poder batalhar contra um Charizard debilitado por envenenamento

    Até aí tudo tranquilo e como esperado mas agora vamos pra parte onde você traz plot twist atrás de plot twist

    O primeiro deles é a aparição do Time Foguete completo,eu esperava o Silver,algum comandante e minions mas trazer geral foi pra reunir o elenco inteiro de AeJ mesmo huahsuashuad

    O segundo é a aparição do Joey e da Gabrielle que foi mais inesperado ainda,e chegaram no estilo chamando geral pra porrada como deve ser

    Ethan e socos já se tornou comum mas ele merece mesmo pra deixar de ser idiota e sair por aí desafiando treinador que sabe que não vai vencer e deixar quem ele quer proteger sozinha.E que soco bem dado foi esse,Joey capturou o Rattata foi no soco huashuahsuas

    E agora o último Plot Twist o que gira tudo e você fica sem saber o que está acontecendo,Aparição da Lyra,teve Lyra,mas não foi como esperado e isso é intrigante,essa união dela aos rockets é estranha,tenho algumas teorias sobre isso mas elas são bem viajadas(mais que o normal) huashauhshuas

    Cara,esse Ethan do final sem dizer nada é estranho,penso em duas alternativas ou ele percebeu que não dá pra vencer agora e está pensando em fazer algo quando tiver oportunidade ou ele teve seu espírito quebrado ao ver todas suas esperanças se esvaindo e seus amigos o traindo,cara One Piece fala bastante sobre isso,tanto é que ele não mata personagens(Não muitos),no final o que acaba acontecendo é o vilão ter seu plano e esperanças destruídas e isso seria como a morte para o personagem,então pensando dessa forma de One Piece o Ethan morreu mesmo huashaushuas

    See Ya


    ReplyDelete
    Replies
    1. Yo, Dark!

      Primeiramente, agradeço as congratulações, mas o parabéns vai pra você também. Afinal, você lê o Aventuras em Johto desde o primeiro capítulo e continuou a acompanhar a história até aqui, cinquenta capítulos depois. Apesar dos hiatus e dos problemas, você sempre se fez presente em todos os momentos, então faço questão de dividir esse momento com você também!

      Você sempre foi um excelente vidente. Esse capitulo já estava em produção quando o 49 foi postado, então não teve nem como eu usar essa ideia, foi totalmente predict. UAHAUAHAUAH Fico feliz de ter conseguido fazer uma boa batalha, porque equilibrar tudo foi difícil. Bom saber que as estratégias tomadas deixaram a batalha interessante!

      Agora nossa parte favorita: Os plot twists! Alma de Prata não poderia terminar sem eles. Primeiramente, a Equipe Rocket EM PESO. Isso está sendo preparado a muito tempo e ver que agora tudo está sendo levado a um ponto sem retorno é magnífico (pra mim, pelo menos). Tivemos, é claro, presença em peso de grandes personagens que já deram as caras anteriormente durante a história, incluindo Joey e Gabrielle (não conseguimos contactar Eusine). Esse retorno só faz com que os personagens se envolvam ainda mais, porque acredito que nenhum deles, nem você que lê a história esperava vê-los. Isso é legal, pelo menos nós temos a mesma reação como leitor e como personagem (quebra da quarta parede, talvez?). Ethan ter ficado calado é só a cereja do bolo. Tenho certeza de que existe muita coisa a ser explicada pra todo mundo, mas é que se isso aacontecesse agora, ninguém iria querer ler a próxima temporada. UAHAUAHAUAH

      Espero que eu possa continuar te surpreendendo e que suas teorias conspiratórias continuem a se provar realidade a cada capítulo novo!

      See ya!!!

      Delete
  6. ESSE É O MEU GAROTO RED! Eu não conseguia parar de rir quando eu vi que o Quagsire ficou feliz quando causou dano no Charizard! ESSE É O MEU GAROTO RED! ESTOU TÃO ORGULHOSO DE ESCREVER SUA PREQUELA!

    E AÍ O SILVER LITERALMENTE DESCREVEU O QUE ACONTECEU! Essa reunião do elenco foi genial! Eu não esperava por isso! O Joey veio para salvar o dia, mas sempre a ex vem e estraga o dia, né? Mas eu senti falta do Lance nessa reunião.

    Pobre Ethan, mal compreendido, indefeso, apenas com seus dois Pokémon, os primeiros companheiros (diga-se de passagem) e os últimos que podem te ajudar. Agora a treta vai começar a pegar forte e eu tô louco pra assistir!!! TIRE SUAS FÉRIAS E VOLTE COM TUDO MANO, QUE A GENTE TÁ AQUI SÓ ESPERANDO PRO GRAN FINALE!!!!

    ReplyDelete
    Replies
    1. Yo, Kill!

      Eu sabia que você ia ficar feliz. Foi você que comentou comigo que ficaria bolado se o Red tivesse de usar mais de dois Pokémon pra derrotar o Ethan. HEAUHAEUHEAUHEA Quem diria que ele não tiraria não só o nosso protagonista do sério, mas seus Pokémon também. XD

      SIM! Silver é tão incrível que ele é o mestre de cerimônias oficial de AeJ, quebrando a quarta parede sempre de maneira incrível! E é claro, Joey chegando mostrando quem é o verdadeiro protagonista DA ALIANÇA INTEIRA.

      Ah, maninho... O Lance deve estar por aí treinando seus dragões. Uma hora ele aparece. HEUHAUHAUAHUAH

      Sim, agora com dois Pokémon, o garoto vai ter que dar um jeito de sair dessa situação embaraçosa. Pode trazer a pipoca, porque promete (pro lado bom e pro lado ruim). Espero que Mente de Cristal consiga trazer novas sensações e impressões pra todos nós!

      Espero que continue se surpreendendo!

      Até janeiro!

      See ya!

      Delete
  7. E assim se encerra a segunda temporada de Johto, Alma de Prata. E que jornada que foi até chegarmos aqui!

    Felizmente, o combate entre Red e Ethan não terminou e assim ninguém teve que testemunhar a derrota vergonhosa de Ethan. Claramente Red iria vencer, desse por onde desse.

    E tivemos o tão esperado início de confronto entre a Team Rocket e... espera lá, quem é que vai enfrentar a Team Rocket agora? Porque, neste momento, parece que toda a gente pertence ao lado negro! O que raio está a acontecer? Lyra, okay, foi chocante, mas não foi muito surpreendente... ela era meio louca mesmo. Mas Ethan?! Então o que raio aconteceu com ele??????

    Eu estou fazendo figas para que eles estejam a planear destruir a Team Rocket por dentro, sendo que a Amy é meio que o cavalo de Troia de toda a gente e é a única que não sabe de tudo o que se passa à sua volta...

    Mais uma vez, o Dento merece os meus parabéns por todo o trabalho realizado até agora. Já o disse e voltarei a dizer, é uma inspiração para mim! Obrigado por isso!

    ReplyDelete
    Replies
    1. Yo, Angie!

      Mais uma saga do Aventuras em Johto se conclui e mais uma vez você é testemunha dela. Sou que agradeço por você nunca ter desistido da história e de mim e por ter vindo junto comigo até aqui. Gratidão!

      Ethan e Red tiveram uma interrupção da grande batalha que todos sabiam do final. Mas claro que acredito que muito em breve eles irão retomar de onde pararam... Aí veremos se vai mudar muita coisa.

      POIS É! No fim das contas, a verdade é que perdemos as rédeas do controle da situação e todo mundo é um grande traidor. Alma de Prata não justifica nada, apenas continua a gerar ainda mais perguntas, o que é frustrante por um lado, mas que garantirá expectativa pra nova saga que começará agora. Mas me complica, porque agora eu não posso nem sonhar em decepcionar vocês, leitores... Então, espero conseguir manter o alto nível de agora até o final de AeJ.

      Mais uma vez, muito obrigado por toda jornada até aqui! Você sempre foi e é fundamental pra que a história de Ethan, Amy e Forrest seja contada. ❤

      Espero continuar te surpreendendo!!!

      See ya!

      Delete
  8. Finalmente chegamos ao final da segunda temporada. Nem da pra acreditar nesse looooongo trajeto e em tudo que nossos protagonistas levaram para chegar até aqui.
    Nessa última batalha ficou evidente a diferença entre os níveis do Ethan e do Red, a batalha foi praticamente um massacre por parte deste, mesmo o primeiro já tendo sete insígnias. Os anos de diferença se mostraram bem evidentes aqui.
    MORRAAA FORREST MORRA IMEDIATAMENTE por que diabos você foi entregar a Amy? Por que só não roubou a bola GS dela e entregou para os Rockets? AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA. Mas o Ethan tbm é burro né? Porque deixou a Amy sozinha para enfrentar um treinador que ele sabia que ia perder? No fim n adiantou nada, tinha q ser jovi mesmo.
    huehuehue O Silver acetou na reuniãozinha do elenco, só faltou o Lance pra completar o grupinho.
    Joey e Grabrielle chegaram do nada e PA, causaram discordia, porém de nada adiantou porque o cérebro do Ethan deu de BUGAR e além de não fazer nada ainda ajudou os caras. MORRA ETHAN, MORRA IMEDIATAMENTE.
    Agora resta saber o que acontecerá na próxima temporada. Sei que você está escrevendo e planejando muito ela, por isso estou ansiosa para ver o q tratá.
    Parabéns por ter chegado até aqui <3. Eu adorei o capítulo!

    ReplyDelete

- Copyright © 2015 - 2019 Aventuras em Johto - Dento (Willian Teodoro) - Powered by Blogger - Designed by CanasOminous -