Posted by : Dento Nov 23, 2018



E a história que era semanal, virou quinzenal, e então mensal, e então bimestral, e às vezes semestral. Aventuras em Johto — Alma de Prata foi uma experiência bastante polêmica pra mim, afinal, as últimas notas do autor escritas foram lá no capítulo 31, bem no começo da história.

Aí veio o famoso aviso de adiantamento, em Setembro de 2016, onde as coisas começaram a perder o rumo e eu comecei a cogitar pedir ajuda.

E então, eu parei. E ficou ainda mais crítico após nosso arco do Torneio do Transatlântico (o que apresentou Gabrielle à história).

E nesse meio tempo, eu agradeci. Agradeci porque eu me lembrei que, desde o capítulo 1, o AeJ não se escreve sozinho.

Quando eu estava terminando de escrever a primeira temporada, Coração de Ouro, recebi um comentário anônimo dizendo que eu tinha que melhorar a escrita. Esse comentário gerou um email, onde esse leitor sugeriu sugestões de escrita, e talvez ele nem saiba o quanto isso mexeu comigo. Incentivado também pelo Canas e pelo Shadow — sempre eles —, eu reescrevi o primeiro capítulo de Alma de Prata do zero, uma semana antes da publicação, aumentando descrições e tentando caprichar ao máximo na escrita, começando a diferenciá-la do padrão ligeiro e objetivo (e às vezes confuso) que vinha fazendo na história desde então e passei a fazer com que Alma de Prata, recém-nascida, exigisse de mim um novo autor.

Começou que a história começou a ser pedida para ser levada a outro nível. Giovanni morreu. Tivemos Baoba e Carolina. Tivemos o Amphy e a Jasmine. Temas maduros abordados de uma maneira que eu nunca pensei que fosse conseguir fazer, ainda que eu já tivesse tentado fazer a mesma coisa com a primeira temporada.

Ao fim do capítulo 38, o Aventuras em Johto passou pelo seu hiatus mais terrível.

Eu tava totalmente ferrado na faculdade, as coisas dentro da Aliança não estavam boas e a inspiração que eu precisava para escrever um capítulo tão denso quanto foi o 39 não vinha. Fiquei quase um ano sem postar nada no blog, nem capítulos mais simples, como as Crônicas ou o Episódio R (que não foi cancelado, ele continuará). As Notas do Autor deixaram de ser escritas (até esta). Até o Canas pensou que, a qualquer instante, eu ia aparecer dizendo que não ia mais continuar a escrever a história.

Mas eu não desisti. E talvez com a cabeça cheia de coisas, eu consegui finalizar aquele capítulo, que Shadow diz que separa Aventuras em Johto em duas: Antes de Amphy e depois de Amphy. E tenho que concordar. O semanal passou a deixar de ser prioridade. Leitores e escritores da Aliança me motivavam a continuar escrevendo e postei o capítulo, mesmo não estando satisfeito, e morrendo de medo de ter escrito um fracasso, ao mesmo tempo que eu não tinha mais ideias pra preenchê-lo.

O feedback positivo e os elogios me deixaram aliviado. Mas, mais que isso, me fizeram acreditar que, independente da demora, os leitores que eu havia conquistado não se importavam com o tempo da produção, mas sim, com a qualidade do que eu escrevia. Eu estava no caminho certo, apesar de tudo e de todos os imprevistos.

E assim foi indo, caminhando conforme dava, focando sempre em trazer a melhor história a cada capítulo novo.

E foi assim que Ethan ganhou suas sexta e sétima insígnias e Forrest cresceu como personagem (para clamor de Canas Ominous, que o DETESTAVA). Amy chegou ao fim de Alma de Prata sendo a protagonista que ela sempre foi, mas agora, mais do que nunca, com os holofotes apontados pra ela.

Ah, Forrest. Comentários de leitores dizendo que ele pouco atraía me fez ativar o alerta vermelho. Estaria eu deixando o karma do terceiro protagonista inútil tomar conta de AeJ também? Havia acontecido com Dawn, em Aventuras em Sinnoh. Aconteceu com Camila, na primeira edição de AeH.

Eu precisava resolver isso.

Removi Forrest da história pra ele poder desenvolver-se melhor e eu poder ter dos leitores o checkmate definitivo: Ou ele demonstrava ali que merecia ser protagonista, e comparava-se a nível de importância com Ethan e Amy, ou ele desapareceria. Sendo meu xodó, me esforcei pra fazer com que ele tivesse um desenvolvimento natural, em que não houvesse forçação de barra da minha parte fazendo com que ele se tornasse um personagem overpower só pra agrado próprio.

Forrest, então, conseguiu tomar as rédeas e retornar ao plot de Aventuras em Johto carregando praticamente os arcos em seguida nas costas.

Como a lenda da Alma de Prata, explorada no capítulo de mesmo nome, eu acredito que esta história jamais existiria se não tivessem tantas pessoas que gostassem de mim e que eu acabaria encontrando (por acasos e descasos) fazendo a tremenda diferença na minha vida. Desde o email que mexeu com a minha cabeça (e pelo qual o que eu sou extremamente grato) até as muitas teorias da conspiração entre leitores no chat da Aliança no Discord me fizeram crescer como autor e pra não sossegar enquanto não escrevesse cada capítulo como se fosse único — e se parar pra pensar, são mesmo. Aventuras em Johto — Alma de Prata serviu pra me mostrar que, apesar dos apesares, tem sempre algo bom no fim do caminho. Que toda tragédia que as histórias contadas aqui trouxeram ao longo desses dois anos de duração dessa temporada (muito além do programado) acabaram servindo de motivação positiva para todos os envolvidos. Todos os imprevistos que fizeram, por um lado, a história entrar em pausas absurdas, por outro, acabaram tornando-a, para mim, tão marcante e inesquecível.

E juntos, caminhamos para a terceira parte de Aventuras em Johto. Espero escrevê-la em conjunto com você, que sempre dedicou um tempo para apreciar as tantas histórias que são contadas nesse simplório blog.




CRÉDITOS & AGRADECIMENTOS


- Furion, pelo email que determinou os caminhos que seriam trilhados pelo AeJ nesta segunda temporada;
- Canas Ominous pela eterna parceria, apesar da preguiça de ficar em dia com a história (o que só aconteceria após o Capítulo 40). Afinal, o que seria do Forrest sem a sua implicância?;
- Shadow Zangoose, pelas madrugadas a fio elaborando enredos mirabolantes e pela paciência em revisar cada linha de texto dos capítulos desta e de outras temporadas, pelas inspirações que determinaram todas as circunstâncias que os personagens passariam e pelos eternos xingamentos que você faz a mim diariamente apenas por hobbie (não me arrependo de ter derrubado aquele farol);
- Killer of Murder, que chegou na Aliança esse ano e, apesar das ocupações e preocupações com o TCC, assumiu o Aventuras em Kanto da melhor forma que eu poderia imaginar. Apesar de já ser de conhecimento público de que o grupo segue fielmente (ou pelo menos tenta) uma timeline de eventos, e apesar de com isso ficar ciente de que AeJ se passa depois de AeK (como nos jogos), eu vou continuar não dando spoilers sobre meus planos para a história, ainda que seja apenas para servir como "referência na construção do plot de Kanto".
- Doritos (ou Doris, pros íntimos), pelo suporte quando mais precisei desenrolar soluções para batalhas e plots de AeJ. Também responsável pela orientação de como eu poderia escrever esses últimos capítulos, com a Amy finalmente sendo entregue para a Equipe Rocket. O que é irônico é que o autor de Kanto, que basicamente escreve o PRÓLOGO do que é o Aventuras em Johto, sabe de menos coisas do que o autor do Aventuras em Alola. Vai entender...
- Zyky Flareon por existir no planeta Terra e pela ajuda no desenvolvimento do maior plot twist da história (desculpa, Killer, mas esse você também não sabe qual é).
- Duda, uma das melhores amigas (que me apresentou o Killer lá pra meados de 2015) pelo auxílio na cena mais aguardada de toda a história: O beijo entre Ethan e Amy.
Aos leitores (e entre eles) Alefu, Dark Grovyle, Diego Chinatsu, Donnel, Shiny Reshiram, Sir Naponielli e Vinnie pela eterna cumplicidade todos os dias durante várias horas. Sem vocês, com certeza o impacto de Ethamine (PRINCIPALMENTE), do Rattata de Joey e as bizarras (porém embasadas e incentivadas por este talentoso autor) teorias sobre a morte de Ethan não seria o mesmo. Eu não seria nada e talvez as Aventuras em Johto não seriam tão divertidas. ♥


Como cada fim de capítulo, uma tradição a ser celebrada aqui também:

TO BE CONTINUED...

See ya!

{ 13 comentários... read them below or Comment }

  1. Dento, acho que você deve lembrar que eu odeio comentar em notas, mas na está aqui eu vou comentar, porque está merece. Cara, isso praticamente não é uma nota, é um local que marca a sua jornada até aqui. E realmente, embora, eu serei sincero, sua história não chegue a ser minha favorita, você é um dos autores daqui que mais me impressiona, por ter chegado tão longe, e aceitando novas ideias.

    Cara, desejo-lhe muito sucesso e muita sorte no próximo arco. E valeu pela menção ali, nem imaginava mano! Mas sério Dento, tudo de bom pra tu, e vem que vem, Mente de Crystal!

    ReplyDelete
    Replies
    1. Yo, Naponielli!

      Fico feliz pelo seu comentário aqui. Como administrador da Aliança, eu realmente não costumo ver você comentando em Notas do Autor espalhadas pelos blogs. Fiz questão de fazer, afinal, é uma das coisas mais importantes dos blogs, onde os autores podem conversar com os leitores a respeito de como foi idealizado o processo de escrita e tudo o mais. Como Alma de Prata acabou ficando muitos capítulos sem elas, nada mais justo que em sua conclusão, tivesse uma contando sobre o processo de criação e todos os perrengues. Sou muito grato à você por todo esse tempo junto comigo acompanhando, teorizando e debatendo AeJ junto comigo, é o que me motivou (e continua motivando) a continuar escrevendo a melhor história que eu puder a cada capítulo novo.

      MUITO OBRIGADO!!!! ♥

      Delete
  2. Obrigado PresiDento <3 Pela jornada incrível!

    50 Capitulos é incrível. Lindo texto.

    Apesar de ser uma escritora como vocês, estou sem palavras para descrever o que eu sinto de forma apropriada.... Que jornada linda até agora!


    Não sou boa com analises, nem textos lá muito grandes, nem nada dessas coisas que exigem um pouco mais meu modo de pensar a fundo.

    Por isso, só vim trazer minha gratidão pela grande ajuda que o senhorito me deu para escrever minha fanfic de SU, e PRINCIPALMENTE, um obrigado por todo o seu trabalho durante tanto tempo.

    Como leitora, valeu bem a pena.


    Já agora.


    JOELMA VAI SER CANON!



    Obrigado <3

    ReplyDelete
    Replies
    1. Yo, Shii!

      Você é uma das leitoras mais ilustres de AeJ, por isso a menção. O que seria da história sem seus plot twists inesperados (como JOELMA)? Todo capítulo é uma surpresa nova com seus comentários no chat do Discord, e eu fico muito feliz por você estar nessa jornada junto comigo. Sorte a minha de ter você! ♥

      Espero que continue se surpreendendo, principalmente quando descobrir que ETHAN X JOELMA É REAL! EAHUAEHUEAHAE

      MUITO OBRIGADO!!! ♥

      Delete
  3. S2

    Cara,

    Eu gosto muito da aliança, como cada estória é única, mas todo mundo sempre está disposto a ajudar, vocês são demais.

    Você conseguiu, percorreu até aqui, e agora tenho certeza que está pronto pra mais 50!
    Boa sorte, que venha muita inspiração e que Arceus te elimine!

    S2

    Espero ansioso os próximos capítulos!

    ReplyDelete
    Replies
    1. Yo, Alefu!

      Provavelmente você é o leitor caçula dessa história toda (pelo menos com AeJ). E o fato de você ter chegado até aqui representa muito pra mim. Essa conquista não é só minha, é sua também. Afinal, se você não lesse, não tinha porque continuar escrevendo, não é verdade?

      Espero que você continue curtindo, sempre!

      MUITO OBRIGADO!!!!!! ♥

      Delete
  4. Yo Dento

    Saudades de suas notas cara,você nunca mais fez elas Ô SINHA DISGRAÇA(não sei se o uso dessa expressão está correto preciso me informar com o Killer sobre seu uso ser no começo,meio ou fim de frases(no início eu achei que seria engraçado usar essa frase no comentário mas pensando melhor se você não leu a mensagem do Killer ou se estiver lendo isso no futuro essa mensagem vai ser muito estranha,e se eu estiver lendo isso no futuro provavelmente vou me arrepender de escrever minhas bobagens,e se for um leitor que não estava no grupo vai achar que eu sou louco))

    Mas chega de bobagens vamos para as coisas importantes,a primeira delas é que eu não sou bom em comentar notas(eu sei que eu não sou bom em comentar capítulos também mas nas notas eu sou pior)por motivos de que é estranho já que eu quero tipo dar parabéns por completar mais um marco importante mas parece que eu estou usando aquelas mensagens prontas e repetidas ,saca?ENTÃO PARABÉNS PELOS 50 CAPÍTULOS E QUE VENHAM MUITO MAIS,e obrigado por essa linda história qu eu tanto gosto :3

    See Ya

    Ps:Obrigado pela menção,me sinto feliz em ter contribuído nessa jornada(mesmo que a contribuição seja bem pequena já que a única coisa que eu ajudo são nas teorias bizarras e na zueira sobre derrubar faróis huashaushuas)

    ReplyDelete
    Replies
    1. Yo, Dark!

      Não sei como você TEM A CORAGEM E A AUDÁCIA DE DIZER QUE NÃO CONTRIBUIU PRA HISTÓRIA?! Dá vontade de bater em você quando eu leio um negócio desses EHAUEAHUEAUEAHEA Seus comentários épicos sempre fizeram parte dessa história então nada mais justo que você ser lembrado sempre que dá por aqui! Você é incrível e eu me orgulho muito de ter você como amigo!

      Que venha Mente de Cristal e mais teorias mirabolantes com predicts sempre incríveis!

      MUITO OBRIGADO!!!!!! ♥

      Delete
  5. Foi um prazer ter participado de todo o processo que fez Johto se tornar o que é hoje! Isso mostra o quanto você conseguiu evoluir na escrita e também o quanto seus personagens podem fugir do padrão e ganhar vida própria!

    Ainda que eu tenha saído morto daquela call no Skype que você ficou a madrugada inteira contando seus planos, hoje o fato de ver tudo que você disse há mais de 2 anos ganhando forma é também uma motivação pra eu fazer o mesmo com Hoenn (porque às vezes eu travo no próximo capítulo, mas já tenho mil ideias pro futuro).

    Então parabéns pelo feito conquistado, mais uma vez.
    E obrigado por voltar com as Notas do Autor, elas são sempre interessantes.

    Mas...

    PRECISAVA DERRUBAR A CACETA DO FAROL DE OLIVINE?

    ReplyDelete
    Replies
    1. Yo, Shadow!

      Você é meu melhor amigo, então sua obrigação MORAL é participar de todos os momentos de AeJ, seja como revisor, consultor ou leitor. Muito provavelmente, o Aventuras em Johto não seria a mesma coisa sem você nela, e eu fico muito feliz que, apesar de todos os apesares, estamos aqui, no 50° capítulo, conseguindo construir uma história incrível, e com um fôlego que sempre está sendo renovado. Espero continuar com sua parceria, amizade, seus xingamentos e, é claro, suas distribuições de ban eterno de 15 dias no chat da Aliança no Discord.

      MUITO OBRIGADO!!!!! ♥

      E PRECISAVA SIM, deu polêmica, deu audiência e eu to faturando até hoje com o assunto. BORA AFUNDAR HOENN COM UM TSUNAMI, DERRUBAR AS ÁRVORE TUDO EM FORTREE E FAZER O MT. CHIMNEY ENTRAR EM ERUPÇÃO TAMBÉM!!!!

      Delete
  6. Mais um comentário para ti querido escritor.
    Comentando a segunda temporada!

    Rapaz a história ficou melhor nesta temporada, ainda gosto das origens de coração de ouro, mas a alma de prata superou!

    Muitas cenas emocionantes preencheram essa temporada e muitos capítulo deixaram com aquela vontade de ler o próximo, ainda bem que eu acelerei minha leitura de sua história, ver o desenvolvimento tanto dos personagens como de sua escrita foi muito interessante, ambos tiveram um grande up grade!

    Alguns pontos que curti nesta temporada:

    Baoba Arc, sim ele é um fdp, mas ele trouxe um tom para a história que eu nunca tinha lido numa fic de pokémon e confesso que, apesar de triste, eu curti ter lido, deixou com aquela revolta dentro de mim e se uma cena me fez ficar deste jeito, ela merece ser lembrada.

    Saída do Forrest, mano não tava esperando ele dar aquele rage quite, nossa senhora que maluquice kkkk certo que depois explico pq nem os poke foram levados, mas mesmo assim, aqueles cap foram muito inesperados.

    Gostei TB da viajem no tempo da Amy e Red, melhor foi a parte do poço dos slowpoke, ver a cena de outro ponto de vista foi muito legal.

    Bem acho que foi isso meu caro, agora que eu cheguei num ponto mais avançado da fic, vou voltar ao padrão de comentário por capítulo!
    Até mais meu querido

    ReplyDelete
    Replies
    1. Yo, Anan!

      Finalmente o fim da segunda temporada, Alma de Prata. Com ela, meu desenvolvimento como autor, um baita upgrade na história e, claro, diversas surpresas. Sempre digo que não é fácil escrever, porque uma fanfic é como uma novela, é uma obra aberta que depende da audiência do público. Se algo está errado, então é necessário corrigir para que possa se agradar, ao mesmo tempo em que eu preciso medir isso, porque afinal quem escreve a história sou eu e eu preciso manter as rédeas dela para que o leitor possa se surpreender também. O Aventuras em Johto está longe de ser a melhor história do mundo e eu estou ainda mais distante de ser o melhor escritor do mundo, mas eu me esforço para que a minha história consiga pelo menos servir de um bom entretenimento e tocar as pessoas que a leem. Alma de Prata permitiu que eu me envolvesse ainda mais com o que eu escrevo, talvez por isso o melhor aprofundamento da história e de seus personagens... Ler seu feedback algum tempo depois de tê-la concluída é pra mim um atestado de que todo o esforço valeu a pena.

      Espero continuar surpreendendo você!

      See ya!

      Delete

- Copyright © 2015 - 2019 Aventuras em Johto - Dento (Willian Teodoro) - Powered by Blogger - Designed by CanasOminous -